Recomendações de Segurança para o relatório: A-147/CENIPA/2015 / PRRSA

Dados da Ocorrência
09/11/2015
19:30:00 UTC
BALSAS - MA
DESTRUÍDA
PRRSA - AVIÃO
AIR TRACTOR
AT-502B
ACIDENTE

Histórico da Ocorrência

A AERONAVE DECOLOU DO AERÓDROMO DE BALSAS, MA (SNBS), POR VOLTA DAS 19H30MIN (UTC), A FIM DE REALIZAR UM VOO LOCAL DE ADAPTAÇÃO, COM UM PILOTO A BORDO. LOGO APÓS SAIR DO SOLO, A AERONAVE CABROU ABRUPTAMENTE E, EM SEGUIDA, PERDEU A SUSTENTAÇÃO, COLIDINDO CONTRA A SUPERFÍCIE DA PISTA, PERCORRENDO CERCA DE 60 METROS ATÉ SUA PARADA TOTAL. A AERONAVE INCENDIOU-SE E O PILOTO SOFREU LESÕES FATAIS.

FATORES CONTRIBUINTES

FATOR NÍVEL CONTRIBUIÇÃO
DESORIENTAÇÃO INDETERMINADO
ATITUDE INDETERMINADO
ESTADO EMOCIONAL INDETERMINADO
MOTIVAÇÃO INDETERMINADO
FORMAÇÃO, CAPACITAÇÃO E TREINAMENTO CONTRIBUIU
PROCESSOS ORGANIZACIONAIS CONTRIBUIU
CULTURA ORGANIZACIONAL CONTRIBUIU
APLICAÇÃO DE COMANDOS CONTRIBUIU
INSTRUÇÃO CONTRIBUIU
POUCA EXPERIÊNCIA DO PILOTO CONTRIBUIU
SUPERVISÃO GERENCIAL CONTRIBUIU
OUTRO FATOR INDETERMINADO

RECOMENDAÇÕES DE SEGURANÇA

NÚMERO RS DATA RECOMENDAÇÃO(ÕES) DESTINATÁRIO
A-147/CENIPA/2015 - 01 05/04/2018 Revisar o apêndice A, da Instrução Suplementar nº 61-006 para verificar a possiblidade de inclusão do modelo AT-502B como aeronave classe sujeito a endosso específico, em virtude da reincidência de ocorrências envolvendo problemas de transição entre o Ipanema e o Air Tractor. AGÊNCIA NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL
A-147/CENIPA/2015 - 02 05/04/2018 Realizar gestões junto à Ribeirão S.A. de modo a garantir que a Supervisão Gerencial da empresa melhore seus processos formais para contratação de pilotos, garantindo que estes possuam os conhecimentos técnicos necessários para a operação agrícola. AGÊNCIA NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL
A-147/CENIPA/2015 - 03 05/04/2018 Analisar a pertinência da inclusão do uso de luvas de voo e macacão antichamas como equipamentos de proteção individual no item 209 do RBAC 137. AGÊNCIA NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL
A-147/CENIPA/2015 - 04 05/04/2018 Reavaliar os requisitos operacionais de proficiência em língua inglesa, com a finalidade de estabelecer critérios mínimos de compreensão escrita do idioma, para pilotos que operem uma aeronave civil, cujo manual de voo tenha sido aprovado na língua inglesa. AGÊNCIA NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL